23 de ago de 2006

Esteriótipo x Realidade


Acho que este não é o título perfeito, mas é muito chato ter que passar a vida correndo atrás de um tipo de corpo que só se consegue ficando hoiras por semana na academia. É muito chato qualquer coisa que vá contra a natureza da gente e que a gente se flagra fazendo pra agradar um bando de tontos. É muito chato se perceber suficientemente tonto pra isso. Mas a gente é fútil e a pressão é forte.

Fútil não seria a palavra certa, acho que podemos substituí-la por bobo, já que a busca incessante pelo corpo perfeito acaba tornando a pessoa de boba à fútil. Quanto à pressão não há nada o que se possa fazer, já que sim, ela realmente é forte.

Forte por causa do estereotipo que temos de beleza, que cada vez mais prega que temos que estar com corpos perfeitos, em sintonia com a sociedade, e que a partir disso você consegui tudo que você quer. Bobo por causa disso, que passa uma imagem totalmente errônea a respeito, fazendo com que a maioria se torne escravo desta ditadura da beleza, fazendo muito vezes esquecer de assuntos antes até então primordiais.

Antes de todo esse “padrão” prevalecer, a maioria se preocupava com coisas mais importantes. Em questão de relacionamentos, antes se analisava o recheio e não a casca. Isso de certa forma pode ser uma ditadura, só que com algumas diferenças, já que diferente do corpo, para você malhar seu intelecto, não que seja impossível, a força e a quantidade de exercícios tem que ser muito maior. Além disso, sempre acabamos realizando coisas que não fazem parte de nossos gostos, predileções. E fazer isso apenas para surpreender não é legal.

Voltando às exigências estéticas deste mundo globalizado Reconheço que ficou difícil para nós, para você, e para eu, mostrar-nos por inteiro, tanto casca, como o recheio. O difícil e encontrar alguém que esteja disposto a mostrar-se desse jeito. Questão de oportunidades.

6 comentários:

Anônimo disse...

Concordo contigo Rô, uma amiga minha brinca com isso dizendo que tem uma beleza 'renascentista', que em séculos atrás seus quilos a mais faziam muito sucesso. Tudo depende da nossa visão e de nossas metas.

10:19 AM
RodrigoBrower disse...

Não é o anônimo não, sou eu que deixei o coment..rs

11:01 AM
Eduardo disse...

Bom, acredito que cada um tem sua idealização de beleza; mas mesmo assim ela acaba influenciada pela opinião dos demais. "Belo para um, não tão belo para outros."
Mas vai vai saber... Porém acho que tem que ter uma aparência boa; pois para mim, beleza importa! Não essa beleza de músculo, rostos pereitos... Olho mais para o sorriso que a pessoa dá, as caretas qnd bravo..
òtemo post

Abraços

11:43 AM
rodrigo cezar disse...

a beleza importa sim!!!! nao vmos ser hipocritas e dizer que nao.
entre um bonito(para mim)e nao tao interessante intelectualmente e um que nao seja bonito e tenha um intelecto legal, eu fico com a 1 opcao...

3:13 PM
Rafael Magnago disse...

do q adianta vc querer um bonito e ainda por cima ter aquela peruca de chifres na cabeça.
prefiro um não atraente fisicamente, que me ame e me respeite. do que aquele que só saber colecionar "fodas" mesmo com compromisso. conheço muitos assim.
um grande bjo a todos
mas todos tem sua maneira de pensar.
essa é a minha,
Homem pra mim tem que ter conteúdo, e muito bom ainda.

4:10 PM
Henri Louné disse...

Eu já fui assim, mas graças a Deus eu me livrei dessa neura...estou engordando mas não to me lixando pra isso.
Temos que nos libertar!

12:16 PM
 

©2009BLOGAYROZ | by Foxx